[Livro] A maldição do cigano - Stephen King


Inicialmente lançado sob o pseudônimo de Richard Bachman em 1984, "Thinner", de Stephen King, chegou ao Brasil com o título de "A maldição do cigano" e foi adaptado para o cinema em 1996 com outro nome: "A Maldição". Enfim, apesar dessa melecada de ficar mudando o título das coisas, a Editora Suma de Letras relançou o livro que seguiu o título do filme e pronto, acabou-se as mudanças bizarras. Só acho que essa obra merecia um pouco mais de destaque entre os leitores, porque é realmente aterrorizante. 

Sinopse: Bill Halleck tinha uma vida boa e tranquila, até o dia em que atropelou uma velha cigana. Inocentado no tribunal por ter boas relações com o júri, logo descobrirá que, apesar de ter escapado da justiça americana, existem outras formas de pagar por um erro. Em pouco tempo, o obeso Halleck começa a emagrecer — seus quilos sugados vertiginosamente a cada dia que passa. Para surpresa dos médicos que o examinam, não há nada de errado fisicamente. Mas Halleck terá de encontrar uma solução – e rápido – senão, em pouco tempo, não será mais do que um feixe de ossos. 


Esse livro vem com todos os pontos positivos de Stephen King. Toda sua força maligna impressa em papel foi usada nessa história, com direito a cenas nojentas e final aterrorizante. Parece até que o livro não acabou porque não é possível não ter um "Felizes para sempre" nem de leve! 

A obra conta a história de Billy Halleck, um advogado obeso bem-sucedido que, de forma bastante imprudente, atropela uma velha cigana. O caso vai a julgamento, mas, mesmo com tudo contra, Billy é inocentado (pois é bem influente no ramo) e sai ileso do acidente. O problema é que quando ele sai do tribunal, um cigano o toca e sussurra uma maldição em seu ouvido: "Mais magro". 

A maldição é real e começa, de fato, a acontecer. 

Billy começa a emagrecer e isso pode até parecer bom no começo, mas a coisa começa a sair fora de seu controle e ele passa a correr risco de morte. Desesperado vai a vários médicos e nada funciona. A situação o força acreditar que foi mesmo amaldiçoado. 


Eu pensei em várias formas de terminar essa resenha sem dar spoilers e resolvi colocar uma sequência de tópicos para atiçar a curiosidade de vocês, portanto aí vão algumas coisinhas que existem nesse livro: 

  • Billy culpa sua esposa pelo acidente
  • O cigano não amaldiçoa apenas o advogado obesa. Todo mundo envolvido no julgamento cai em suas garras e as maldições são terríveis.
  • Existe uma "cura" para sua maldição.
  • É uma saída bem ao estilo Stephen King. 

Chega! Quando eu li esse livro, não sabia absolutamente nada sobre a história e as surpresas fizeram toda diferença pra mim. Aconselho que quem se interessar faça o mesmo. Vale muito a pena!

Ah! Feliz Halloween para todos!


[Livro] Jantar Secreto - Raphael Montes

Sabe aquele livro que te tira da realidade e te envolver em uma trama surreal, mas, de alguma forma acaba parecendo completamente possível e te arrasta na leitura? Então, esse livro é "Jantar Secreto" do queridinho do Brasil, Raphael Montes. 

Sinopse: Um grupo de jovens deixa uma pequena cidade no Paraná para viver no Rio de Janeiro. Eles alugam um apartamento em Copacabana e fazem o possível para pagar a faculdade e manter vivos seus sonhos de sucesso na capital fluminense. Mas o dinheiro está curto e o aluguel está vencido. Para sair do buraco e manter o apartamento, os amigos adotam uma estratégia heterodoxa: arrecadar fundos por meio de jantares secretos, divulgados pela internet para uma clientela exclusiva da elite carioca. No cardápio: carne humana. A partir daí, eles se envolvem numa espiral de crimes, descobrem uma rede de contrabando de corpos, matadouros clandestinos, grã-finos excêntricos e levam ao limite uma índole perversa que jamais imaginaram existir em cada um deles. 


Não é brincadeira quando eu digo "surreal". A verdade é que Raphael Montes brinca com o bizarro e se equilibra entre o medo e o hilário. Acho que ele exagera um pouco no "gore"? Sim, acho, mas também preciso admitir que esse é o diferencial dele e é muito bem usado. 

O livro começa num ritmo gostoso apresentando os 4 amigos aos poucos. Mostra a vida dura de cada um deles, as lutas de quem precisa se virar em uma cidade grande enfrenta. Fala sobre a crise e a decepção pessoal de cada um deles e por aí vai. Daí o narrador, Dante, que é um dos quatro amigos vai travando caminhos difíceis em seu emprego e mostrando como tudo anda mal até que... 

Bem, não vou estragar absolutamente nada desse livro para quem vai ler. O resumão que você pode ler nas orelhas do livro ou no Skoob é que por conta de uma dívida enorme eles resolvem servir jantares especiais para pessoas selecionadas a dedo onde servirão carne humana! 


Isso mesmo, Carne humana. Nada depois disso pode dar certo, não é mesmo? E não dá. esse é o tipo de livro que tudo só vai piorando e piorando e piorando e quando o livro está acabando você começa a ficar aliviado que vai sair daquele pesadelo e algo muito pior acontece. 

Ou seja, não tem saída nem para os protagonistas e nem para o leitor. Eu não tenho como agradecer mais o escritor por isso! É o sonho de todo leitor, engolir uma obra que te arrasta pelos cabelos até a última página e sem deixar de surpreender a cada capítulo. 


Eu recomendo esse livro para quem tem estômago forte. Como já disso, Raphael Montes abusa do bizarro e aqui estamos falando de canibalismo. Eu mesma fiquei uns dias rejeitando carne nas refeições. É uma leitura indispensável. Fico aqui imaginando que se fossemos norte-americanos, provavelmente, essa obra viraria uma série daquelas bem sangrentas.


[Conto] Desculpe, número certo - Stephen King

Sabe aquelas ligações que a gente recebe, geralmente de alguém tentando algum golpe, que tem uma pessoa gritando por socorro do outro lado da linha? 

Então, se você já recebeu alguma dessas ligações, deve entender o quanto a pessoa do outro lado pode soar familiar, ainda mais se você fica desesperado ou se já está preocupado com alguém em específico. 

Esse conto, presente no livro "Pesadelos e paisagens noturnas 2" é sobre isso. Esse sentimento desesperador de não saber quem poderia ter entrado em contato naquela ligação assustadora cheia de suspiros e soluços. 

Katie recebe uma ligação de uma mulher soluçando e pedindo coisas que ela não entende direito. Ela fica tão transtornada que começa a entrar em contato com um monte de gente. Diante dessa crescente preocupação, seu marido Bill resolve ajudá-la. 

O final é uma maravilha! Estamos falando de Stephen King, então encare "maravilha" da forma que você quiser! (rs)

Fui reler esse conto depois de ver um post do Stephen King Kingdom que falava sobre a adaptação dessa história em um dos episódios da série "Tales from the Darkside" a qual ficou no ar durante os anos 80 e 90 e adaptou vários contos de diversos autores do terror moderno, entre eles, Clive Barker. 


De qualquer forma vale a pena ler, apesar do formato bem diferente do que estamos acostumados. Aqui Stephen King escreve como se fosse um roteiro. É bem visual, mas não é meu estilo preferido, mas o que eu estou reclamando aqui? É do King, então merece ser lido!



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...