Você é normal?

Uma vez me disseram que estipular que algo é normal é ser preconceituoso com todo o resto!
Na época fiquei confusa pelos argumentos, mas hoje eu tenho certeza: EU DISCORDO COMPLETAMENTE!
 

É natural estipularmos padrões e bases para daí partirmos para os adjacentes. Na verdade acho que pensar no preconceito e tentar encaixa-lo em tudo é a pior forma de expressá-lo.

Precisamos de pontos em comum com os outros, isso chama se identificar. Na verdade pouco importa se seu cabelo é verde, eu até gosto, mas vamos admitir que não é normal! Diante dessa frase você me tacharia de preconceituosa? Seria um erro se o fizesse.
 
A meu ver entende-se por normal algo que esteja na maioria. Por isso tantos tabus diante do sexo! As pessoas assumem gostos excêntricos e querem que toda a população do mundo aceite prontamente sem taxar de anormal, isso não vai acontecer! Não é o normal e aí temos um problema, o que foge do normal assusta e pode demorar para ser aceito, mas é necessáriamente ruim? É sempre bom?
 
Será que é? É assim que as pessoas pensam mesmo?
 
Acho que o que torna o normal tão controverso é a mania boba de pensar que o que sai do convencional é ruim. Não tem nada a ver gostar de coisas estranhas, isso não te torna uma pessoa pior, e muito menos, melhor. Conheço pessoas que se irritam quando chamadas de diferentes ou quando ouvem que o que elas gostam não é normal. E daí? Quem disse que o normal é mais legal?
 
Eu gosto de coisas macabras, sombrias, prefiro o preto, odeio rosa, curto Heavy Metal, gosto de tênis, odeio salto alto, sou heterossexual (porque ser homo hoje em dia é QUASE normal) e me sinto fora do padrão o tempo todo por causa desses fatores. Não faço parte do normal e nem por isso me acho um ET.
 
Vamos repensar os conceitos, hoje em dia tudo virou discriminação e dar nome as coisas nem que seja para diferenciá-las de alguma forma é motivo de duvida. Será que posso chamá-lo disso, será que posso dizer aquilo?
 
Daqui a pouco estaremos perguntando - "Será que posso PENSAR isso?!" - Aí eu quero ver!
 
 

12 comentários

  1. Bom dia Camilinha

    Concluindo que anormal é ser normal!!!!

    AMIGA DA MODA by Kinha

    ResponderExcluir
  2. Em busca da anormalidade encontramos outros anormais, e entramos em outra regra. Acredito que nada fuja muito do normal, então! abraços

    ResponderExcluir
  3. Esse assunto dá pano pra manga, Camila. Então só vou dizer que concordo com o Caetano: "De perto, ninguém é normal". Beijos!

    ResponderExcluir
  4. O normal é relativo.
    Até uns séculos atrás era normal mulher só cuidar da casa, procriar como coelhos e nem ter o direito de votar.
    Era... normal!
    Não penso que ser heterossexual seja anormal, anormal são os heterossexuais que cortam a orelha de um pai que está abraçando um filho em público por "concluírem" que "possam ser" homossexuais. Portanto, para a homossexualidade e principalmente, a transexualidade, se tornarem normais, se é que um dia isto acontecerá, ainda tem muito chão pela frente. Está evidente nos rostos das pessoas nas ruas.
    Concordo com a Carla, este assunto dá pano pra manga. Ser do senso comum talvez seja o que considerem normal, porém, quem disse que isto é normal?

    => CLIQUE => ESCRITOS LISÉRGICOS...

    ResponderExcluir
  5. Eu não te acho normal de jeito nenhum, nem você tentando por mil anos. A questão é essa, respeitar as diferenças, aí todo mundo se entende e o mundo fica uma belezura só.

    Diferente eu sou, especial, NÃAAAAAAAAAO!!!

    Li agora o seu comentário na postagem antigona. Me emocionou, porque você me vê com olhos tão lindos, que espero jamais volte a enxergar direito. hahaha...

    Beijo, Camila. Eu te gosto muito, que só!

    ResponderExcluir
  6. rss adoro seus argumentos,tê nem aí sabe? Sou assim e ponto e vc e todo mundo segure sua onda com respeito.
    beijão

    ResponderExcluir
  7. Vc sempre com seus posts instigantes, Camila!
    A realidade é que, como vc disse, precisamos ter um referencial, algo que nos identificamos e td que está fora do que é "aceitável" para nós, é fora do normal. Porém, esse aceitável é subjetivo, portanto, eu ter cabelo preto e mechas loiras, sendo negra, pode ser anormal pra muita gente!

    Bjs

    www.digoporai.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Camila,
    Esta história de normal causa muitas controvérsias e nem tinha ideia que poderia magoar alguém, mas já aconteceu comigo no blog. Eu fiz um post cuja blogueira era Plus Size, mas disse que os looks dela serviam para todas, até mesmo para quem fosse magra ou tivesse o peso normal Pra que?!? Uma pessoa que amo de paixão, levantou o fato de que se eu falava em peso normal, então as gordinhas seriam anormais. Eu tive que mudar para: pessoas dentro do peso padrão.
    Hj eu piso em ovos qdo escrevo algo lá no blog, pois não quero ofender ninguém.
    Beijos 1000 e uma semana maravilhosa para vc.

    Gosto disto!

    ResponderExcluir
  9. Olá, parabéns pelo blog!
    Se você puder visite este blog:
    http://morgannascimento.blogspot.com.br/
    Obrigado pela atenção

    ResponderExcluir
  10. Creio que, sim, existe o normal, que nada mais é que o convencional, o aceito como padrão, como regra. Tudo que foge a isso é diferente e deixa de ser normal. No entanto olhando por outro ângulo, todos nós temos nossas estranheza, nossas esquisitices. O que faz uma pessoa ser taxada de diferente é exatamente o nível de estranhezas que essa pessoa possui... rs.

    Agora, ser heterossexual ainda é normal. Não exagere... rsrs

    Beijocas

    ResponderExcluir

  11. Olá Camila,

    Normal é agir conforme a regra, ser comum. Alguns consideram que ser normal é medíocre, que a vida pertence àqueles raros e excepcionais indivíduos que se atrevem a ser diferentes.
    Ser diferente é deixar livre o ser que existe dentro de você e que se sente tão bem quando está simplesmente sendo.
    O que realmente importa é ser feliz, respeitando sempre as eventuais diferenças.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  12. Camila, eu acho que não sou normal não...rs pois já me peguei pensando se podia pensar "tal coisa". Tá certo que foi por momentos, mas foi... :)

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...