O que realmente importa?

Então você trava batalhas homéricas...


Mata um leão por dia no seu serviço, aguenta "bucha grossa" do patrão, passa por cima de opiniões contrárias as tuas. Vai no banco e escuta um monte de baboseira sobre suas finanças. Morre de vontade de comprar um milhão de coisas. Paquera roupas na vitrine, sonha com livros das prateleiras da bibliotecas.

Leva teu carro para consertar, mesmo ele não sendo o que você sonhou, é o que tem. Você sonha com um novo, mas pechincha com o mecânico. Discute com o vizinho, resolve brigas dos filhos, discute com empregados e... 

Algo bem pequeno acontece! 

Algo que você nem pensava, nem esperava e nem ligava. 
Algo que estava guardado em um lugar bem seguro no seu subconsciente e BUM! Você cai! 

Daí você se sente menor que um poeira e aquele leão do seu serviço que você costuma matar todos os dias parece bem mais feroz, seu patrão apresenta as mesmas opiniões, mas agora parecem pior que tudo no mundo. 


Uma simples conta com os centavos diferentes do que estava no seu orçamento já serve para aquele restinho de graça que você tinha conseguido guardar se “escafedesse” de vez e você explode com o coitado o mecânico, quase dá um tiro no seu vizinho (sorte que não tem porte de arma) e ainda coloca seus filhos de castigo por... Porque mesmo?!


Não é tempestade em um copo d´ água como mostra a figura... É a gota que faltava para o copo cheinho transbordar. Quem nunca se sentiu assim?

Quem nunca se viu perfeitamente gravando aquele filme UM DIA DE FÚRIA? Eu poderia fazer aquilo!

Então se você está assim hoje, relaxa. Vai passar.

Desmarque teus compromissos e vai escutar uma música boa, vai ler um livro bacana ou ver um filme - menos UM DIA DE FÚRIA tá?!

Eu estava assim semana passada e hoje estou bem! Tudo passa!

Bom final de semana! \o/



***


Já conferiu resenha completa da série LOST no cultura viciante?
Clique AQUI e aproveite!


19 comentários

  1. Ainda bem que tudo passa mesmo!!! E temos que nos acalmar! beijos,chica

    ResponderExcluir
  2. Quando eu estou em fúria, eu me isolo e espero o outro dia. Aprendi que é o melhor para todos! E, como disse a querida Chica, que bom que já passou. Feliz fim de semana, Camila! :)

    ResponderExcluir
  3. Nesses dias meio que baixa um Mike Tyson em mim e minha vontade é partir pra porrada, rsrs. E não vou mentir, eu estimulo um pouco esse lado furioso (só não saio fazendo besteira, pq sei q tem uma força estranha dentro de mim q me controla). Só que acho que é bom vc explodir assim de vez em qnd, pq ficar guardando toda raiva, frustração e pânico tb ñ é uma coisa muito boa, e vai chegar uma hora que tudo isso vai sair e de uma forma bem perigosa. E sim, vc tem razão, o bom dessas coisas é que elas vão embora quase da mesma forma que chegaram =/

    ResponderExcluir
  4. ...Hoje eu estou exatamente assim...seu texto me fez bem, obrigada!

    ResponderExcluir
  5. Que bom que já passou Camila. Todos nós temos nossos dias de terror, mas tudo tem um jeito de piorar ainda mais. Relaxe.
    Bjux

    ResponderExcluir
  6. Oi, Camila! Hoje estou ótima, mas, na véspera do feriado, soltei os cachorros em cima de uma criatura que me azucrinou no telefone. Foi feio, meu marido se assustou. Nós trabalhamos juntos há anos e ele nunca tinha me visto perder a cabeça assim. Espero que outra dessas nunca mais aconteça. Beijos!

    ResponderExcluir
  7. sei bem como é isso, Camila. De vez em quando fico assim!
    Bjs


    www.digoporai.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Camila,
    Sorte a sua que sente e extravasa, eu tenho o péssimo hábito de me calar, de me sentir injustiçada no meu silêncio e daí eu somatizo...
    Tenha um ótimo final de semana!
    Bjs

    GOSTO DISTO!

    ResponderExcluir
  9. Adorei o texto! Super verdade, não é fraqueza, é que as vezes somaram-se tantas decepções que uma pequena já basta para te jogar no chão.

    Beijocas

    ResponderExcluir
  10. Ca, a gente sente pressão de todos os lados e isso é todo santo dia, não há quem aguente. A gente precisa sobre(viver) né não? rs

    Mas eu te sinto uma guerreira menina e quando em vez , relaxe. Coloque uma música bem tranquila, deixe o ambiente em meia penumbra e respire fundo pelo narize solte pela boca num sopro leve. Faça isso deitada e procure varrer tua mente. Não é fácil, já vou avisando, hehehe... Mas tudo é treino e nosso corpo se adapta.

    Lembra daquele texto de sensibilização que gostou lá no meu blog ColunadaLU? Pois bem, imprima o texto e peça pra alguém ler pra ti, ou monte um grupo de amigos e entre no mundo mágico e enigmático da imaginção... Faz um bem danado!!
    Ah, e por falar nisso, tem texto novo pra sensibilizar, tá?

    Bacios cara mia

    Lu C.
    \O/ :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdadeeee! Vou pegar o texto aqui! Beijos!

      Excluir
  11. Nada como um dia após o outro e o bom é que tudo passa!

    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Oi querida, adorei o post, muito bom!
    Beijos e boa semana!

    ResponderExcluir
  13. Já passou? Ufa! Nessas horas é bem bom não morar em Rio Preto e possivelmente trombar contigo, enfurecida, pelas ruas.

    Mas é fato, todo mundo se sente assim de vez em quando. A gente acha que o mundo existe só pra contrariar os nossos anseios. Tudo que a gente quer é que o mundo pare de sorrir, de gritar. Se aquiete e deixe a gente quieto, até segunda ordem, né não?

    Beijo, Camiloquinha enfurecida.

    ResponderExcluir
  14. Olá!!!,belo blog amei sucesso, Deus seja contigo
    já estou te seguindo - OBRIGADO PELA VISITA.
    Curta e participe do meu blog e fan page, twitter, instagram...
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Quem já não se sentiu assim ,a vida e assim mesmo um resultados de bons e maus momentos ,talves uns sejam demasiados marcantes pela intolerância em aceitarmos aquilo que jamais teremos de volta ,para mim esta semana foi negra com a morte de uma prima minha apenas uma menina de 12 anos que a leucemia ceifou a vida ,eu pergunto sera que existe algo pior na vida que a morte ,muitos beijinhos Camila

    ResponderExcluir
  16. Eu me sinto assim, uma vez a cada 25 dias..... chamada TPM.

    Ok, tem outros dias que me sinto assim, mas nada se compara.

    Já cheguei a pegar a trava de direção ( sim, sou velha ) do meu carro para meter no carro do cara que pegou minha vaga no estacionamento.

    Ainda bem que minha mãe me segurou.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mulher doida! Brigar no trânsito é loucura, mas tenho que admitir que por uma vaga quase saí no tapa com um cara tb!

      Droga isso né?!hahahaha
      Somos desequilibradas!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...