Ler e só?


É fato: Ler está na moda!

Por esse motivo, ter uma estante abarrotada de livros e carregar o exemplar infinito de Game Of Thrones para todos os cantos faz de você, uma pessoa mais "cool". Mesmo que isso lhe traga insuportáveis dores nas costas e braços.

Ótimo, pelo menos não é cigarro. Esse vício até faz bem (tirando as dores), isso se você consegue absorver pelo menos um mol do que anda lendo.

Não vou mentir, Não busco ensinamentos sempre, pois gosto de livros que me tiram da realidade. Gosto de viajar e principalmente de viver uma aventura que se distancie da minha vida, mas aprendi (e o Clube da Leitura tem muita participação nisso) a ENXERGAR ensinamentos ocultos nos livros, principalmente nas obras de escritores mais sérios e consagrados. Daí a importância dos clássicos.

Mas também aprendi que não é todo clássico que presta!
 
Esse é um exemplo deles em minha opinião!

Então, percebi que não adianta abarrotar a estante de títulos se eles não estão servindo ao propósito para que foram criados. Não adianta entupir o Instagran com fotos de mais de 10 mil livros na estante se você não cresceu nem 1 cm ao ler todos eles. Certo? O contrário disso é tempo gasto a toa.

Pessoas que ostentam seus mais de 18 livros lidos em um mês! Como pode? Temos um bando de gênios com leitura dinâmica entre nós? Não trabalham? Não estudam? Eu queria muito ter essa velocidade.



A questão não é mais quantidade. Isso já está ficando maçante, mas precisa ser dito: A qualidade traz mais satisfação.

Por esse motivo comecei a me sentir insatisfeita ao ler, porque percebi que nada estava realmente funcionando para mim. Nesse ponto pude contar com minha amiga CarlaCeres que apontou diversas direções e conflitos que me assolavam e pude entender melhor essa insatisfação.

Sim! Viciados entram em crise quando suas drogas param de funcionar.

Daí começa as Ressacas Literárias e as Péssimas Resenhas que encontramos por aí e isso também faz mal. Por isso resolvi diminuir as parcerias no Blog, mas não as minhas leituras. Eu escolherei o que virá em seguida e só publicarei resenhas que realmente valem a pena ser lidas.

Vou ler para sair da minha realidade, mas também para absorver mais coisas boas. Colocarei um filtro na minha estante e só entrará nela o que realmente me dá prazer.

Chega dessa coisa de ler TODOS os livros do mundo. 
Alguns não merecem ser lidos.

O que? Se eu surtei?


Não! Eu absorvi algo bom de um livro que logo farei resenha aqui. Um livro que me metralhou com pensamentos inquietantes.



14 comentários

  1. oi Camis,

    verdade,
    nem tudo que recomendam é bom,
    as vezes um título desconhecido me atrai muito mais...

    beijinhos

    ResponderExcluir
  2. oi Mila

    eu gosto de ler e qdo leio e gosto termino rapidinho.
    Tão bom ler e poder percorrer tempos e lugares.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  3. Oi, Camila! Tem gente lendo 18 livros por mês? Se cada um tiver 50 páginas, tudo bem. Caso contrário, estou me sentindo pra lá de humilhada. Menina, você me fez rir com esse post. Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aposto que riu do apanhador no campo de centeio (argh)

      Excluir
  4. Oi Camila! a gente aqui somos alunos da Carla, ela nos enviou aqui só pra dizer um oi mesmo :D, alias eu dei uma olhada aqui e curti muito o blog, agora fiquei até empolgado pra terminar de escrever o meu entre aspas livro, se você puder mandar alguns contatos ou me dar algumas dicas de como continuar meu trabalho ficaria muito feliz, agradeço desde já! :3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Fey! Seja persistente no seu projeto. não desista não, porque é delicioso quando chegamos ao "THE END".
      Boa sorte pra vc! Beijos

      Excluir
  5. Concordo so leio um livro que realmente me cativa ,não digo que as vezes tenha alguns dissabores ,mas o ultimo que li foi a Morgadinha dos Canaviais um romance do escritor português Julio Dinis com 508 paginas que me cativaram do principio ao fim ,muitos beijinhos Camila

    ResponderExcluir
  6. Camila, completamente de acordo! Outro dia uma amiga me criticou porque ainda não tinha lido aquele livro que todo mundo leu... kkkk... o do casal que tem câncer, até esqueci o nome do livro agora... E eu disse que eu não lia o que todo mundo lia. Eu tenho pouquíssimo tempo livre pra me dedicar a uma leitura e quando vou usá-lo ainda o faço com livro "xué"? ah não! Eu quero ler coisas que me façam refletir, que me tirem da minha realidade, das minhas preocupações... enfim. Acho que não basta ler milhares de livro se você não tem leitura de qualidade!
    Bjs


    www.digoporai.com

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. Concordo Flávia. O livro que vc falou é A CULPA É DAS ESTRELAS do John Green e vale muito a pena, mas você precisa mesmo é correr atrás do que realmente te toca, não adianta se render às modinhas!

      Beijos!

      Excluir
  7. Oi Camila, concordo contigo, tenho conhecidos que adoram ostentar que leram tal livro e aquele livro que está na moda, mas não sabem nem conversar sobre ele, acredito que a leitura tem que ser apreendida, degustada... beijosss!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso aí, dessa forma consigo ler 18 livros por mês tb kkkkkkkkkkkkkk

      Excluir
  8. Camila, já fui uma leitora voraz, porém há uns bons anos aprendi a selecionar melhor os livros que me chegam às mãos. Hoje, permito-me não concluir uma leitura caso ela não esteja me agradando, afinal com tantas boas opções, é imperdoável perder tempo com coisas ruins.

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Parabéns querida! sabia atitude e decisão. Busque só o que cabe dentro de seus valores e que acrescentem algo em seu viver...
    Bjs

    ResponderExcluir
  10. Falou tudo Cah. Não entendo porque as pessoas precisam ler por ler de tal forma. Como tudo na vida precisa ter um equilíbrio, e não adianta, focar na quantidade sempre significa pecar na qualidade, não adianta negar. Sabia decisão a sua!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...