[Coluna] Não funcionou para mim #3

Hoje eu trouxe duas obras, relativamente famosas, aqui para essa coluna. É um exemplo de que não adianta ter um marketing bom, ou cair nas graças da grande massa de leitores que vai - obrigatoriamente - te agradar.

Bem, eu tenho muito disso. Quando vou com muita "sede ao pote" acabo me decepcionando. Isso aconteceu com esse primeiro livro e me fez questionar, mais uma vez, de onde estou tirando as dicas de livros que eu me interesso.

O Último Policial - Ben H. Winters 

Sinopse: Qual o sentido de se investigar um crime quando o planeta tem apenas seis meses de vida? O detetive Hank Palace enfrenta essa questão desde que o asteroide 2011GV1 foi avistado em rota de colisão com a Terra. Em face da tragédia iminente, a maioria das pessoas abandona seus trabalhos, casas e famílias e as instituições começam a ruir, mas Palace insiste em investigar um suposto suicídio. Ganhador dos prêmios Edgar, dedicado à literatura policial e de mistério, e Philip K. Dick, voltado para livros de ficção científica.O Último Policial é a combinação perfeita do clássico romance noir com o melhor da ficção científica atual. Primeiro de uma trilogia, o livro pinta um retrato fascinante dos Estados Unidos pré-apocalipse através de um enredo original e envolvente e de um protagonista carismático.


Classificação
Editora Rocco

Um livro que prende a atenção no começo. Li rapidamente até a página 60, mais ou menos, mas depois a coisa começa a se arrastar, porém, a ideia é muito boa. Mostrar as reações das pessoas que perderam a esperança na vida é bem interessante. Quer dizer, um asteroide VAI atingir a Terra e já tem até uma data. Você ai morrer em breve e isso é fato. O que vai fazer da vida até lá? Muitos param de trabalhar, outros se dedicam ainda mais e muita gente simplesmente se mata. Mas o caso apresentado aqui é chato e para falar a verdade, não me afeiçoei ao protagonista, o que torna tudo mais desinteressante.

Decepcionou demais, um livro cheio de prêmios que só foi elogiado em todos os blogs que vi. Bem, aqui vai o outro lado, não é uma obra prima. Está longe disso, na verdade! 


Deuses Americanos - Neil Gaiman


Sinopse: Deuses Americanos, o melhor e mais ambicioso romance de Neil Gaiman, é uma viagem assustadora, estranha e alucinógena que envolve um profundo exame do espírito americano. Gaiman ataca desde a violenta investida da era da informação até o significado da morte, mantendo seu estilo picante de enredo e a narrativa perspicaz adotados desde Sandman. Neil Gaiman oferece uma perspectiva de fora para dentro - e, ao mesmo tempo, de dentro para fora - da alma e espiritualidade dos Estados Unidos e do povo americano: suas obssessões por dinheiro e poder, a miscigenada herança religiosa e suas conseqüências sociais, e as decisões milenares que eles enfrentam sobre o que é real e o que não é.





Classificação
Editora Conrad

Ah, como é difícil criticar um autor tão querido dessa forma. Ninguém é perfeito e esse livro, para mim, é o exemplo clássico disso. A história, assim como o livro acima, é muito boa. Um homem, chamado Shadow, sai da cadeia e encontra com vários deuses no seu caminho. O porquê desses encontros e o motivo de tudo que acontece ao redor de Shadow é explicado bem lá no final e é sim, interessante. É legal também ir descobrindo quem é quem nessa história...

Mas o desenrolar da coisa é muito chato. O vai e vem do Shadow com seu novo trabalho e as ideias que ele tem junto com os personagens ao seu redor. Não. Quase desisti do livro mesmo. A melhor parte fica com as histórias paralelas à dele que aparecem entre os capítulos.


É isso aí. Duas obras famosas que não caíram nas minhas graças. A segunda está ganhando uma adaptação em série e eu espero que seja excelente. Algumas obras funcionam melhor na televisão. Fazer o que!

Você já leu alguma dessas? Gostou?


6 comentários

  1. Concordo contigo! Quando a mídia é demais, muita propaganda, acabamos frustrando nossas expectativas! Linda semana! bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. Concordo com você que excesso de expectativa gera frustração na certa.
    Bj e fk c Deus
    Nana
    http://nanaeosamigosvirtuais.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Também não sou fã de Deuses Americanos, Camila, você sabe, mas fiquei morrendo de peninha de que O Último Policial seja chato. Achei ótima, a ideia. Nem vou tentar ler. Confio em você. Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Oi Camila!

    Realmente tem livro que não rola, ainda mais quando a história não fluí como esperamos.

    Beijos

    Vivian
    Saleta de Leitura


    ResponderExcluir
  5. OI
    nem conhecia esses livros, a leitura não rolou só que pelo menos de uma nota 3 para eles.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Olá, Camila.
    Eu tinha muita curiosidade para conferir o livro O Último Policial, mas agora desanimei um pouquinho. Detesto quando livros policiais apresentam casos chatos. Ademais, é necessário se afeiçoar ao protagonista para que a leitura flua bem.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de maio. Serão três vencedores!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...