[Tag] Café Literário

E vamos de TAG?

Eu estou curtindo estas brincadeiras literárias, porque é uma forma de indicar vários livros de uma vez, de uma maneira divertida. Mesmo porque, vocês sabem que não resenho tudo que leio e algumas dicas passam sem ser aproveitadas. Dito isso, tentarei indicar o maior número de livros diferentes possíveis. 

E essa TAG é uma modificação minha. Encontrei algumas regras em vários blogs, mas não consegui chegar ao seu criador, portanto eu troquei vários tópicos e acrescentei muitos outros para poder indicar mais livros. Vamos lá:


1. Café preto sem açúcar: Uma série que é difícil de aturar, mas que tem muitos leitores.
Definitivamente estamos falando de "DIVERGENTE". A série é chata, com o pior final que já vi na vida (opinião minha, não gritem), mas por algum motivo reuniu um numero assustador de leitores que são fieis e, com certeza, vão me matar ao ler o que escrevi!
Adoro distopias, mas acho que chegamos ao estágio de TUDO É MAIS DO MESMO que está ficando cansativo. Daí a saída do escritor é CHOCAR o leitor e... Fala sério, algumas saídas que eles encontram simplesmente só servem para estragar a história.


2. Mocha de Hortelã: Um livro que fica mais famoso em uma época ou data comemorativa do ano.
Livros que se passam no Natal, geralmente são assim. Aliás, o Natal é a época do ano que mais tem esse impacto nas pessoas e dentro da literatura não poderia ser diferente. "Deixe a Neve Cair" é uma obra que aparece em resenhas todo ano nessa época. Talvez por ser o John Green, ou talvez por estar prestes a ser adaptada, é um livro que volta à tona todo natal!
Isso sem falar de "Um Conto de Natal" do Charles Dickens que aparece no cenário literário quando chega essa época há décadas!




3. Chocolate Quente: Um livro que pode ser indicado para crianças.
"Anna e a Trilha Secreta" da Ana Lúcia Merege é a melhor dica da minha estante. Um livro pequenininho e muito fofo que eu li sorrindo. Qualquer criança se encantaria por aquela obra e vou falar, adultos também. Livros não ditam idade, lembram?







4. Expresso Duplo: Um livro que te fez ficar na mesma posição do início ao fim.
"Novembro de 63" do Stephen King. É uma obra diferente. Para quem acha que King escreve só terror, precisa pegar essa história para ler. A capacidade do autor em criar personagens é algo fora do comum e as teias que ele tece para formar uma história é o que faz sua fama. Definitivamente, dos livros que não são de terror dele, esse é meu preferido e não desgrudei os olhos das páginas um momento sequer.




5. Pingado: Um livro que tem mais enrolação do que história.
"O Último Policial" foi a minha maior decepção esse ano. Um livro tão bem falado e tão bem resenhado em todos os blogs, acabou sendo mais um na multidão para mim. É uma história boa, mas que seguiu os caminhos mais previsíveis do mundo e acabou enrolando demais em algo que ficou evidente já nas primeiras páginas. 






6. Descafeinado: Um livro que você esperava mais dele.
"Eu Escolhi Respirar", a conclusão da trilogia Breathing. Na verdade, tem um final bom, mas por ter começado tão impactante eu esperava algo mais... Bombástico. Algo que me tirasse do chão, mas na verdade foi bem morno. Foi só o "... e viveram felizes para sempre", quando eu esperava um beijo ardente. Sabe uma obra que te deixa com sede? Faltou algo. 






7. Frapê de Capuccino: Um livro que te fez sentir mais leve ao terminar. Algo que melhorou seu dia.
"O Rei" do J. R. Ward. Quem segue a série da Irmandade da Adaga Negra desde o começo, como eu, sabe bem o que estou falando. Quando uma ameaça atinge o rei Wrath o mundo pode cair. Na verdade ele nem é meu vampiro preferido da série, mas é evidente que é o principal e se ele for derrotado nada mais importa. Quando terminei - e essa obra teve o final mais lindo do mundo - senti um alívio tão grande que deu vontade de ler tudo de novo! Teremos um especial da Irmandade aqui no blog em breve. Aguardem!



8. Prensa Francesa: Um clássico que sempre estará na sua cabeça.
Eu poderia falar sobre "Os Miseráveis", que é o livro que sempre coloco nessa categoria, mas como a intenção é diversificar indicarei para esse item "As Pontes de Madson", porque sempre que alguém me pedir uma dica de romance é ele que eu nomearei. Essa trama é tão leve e gostosa que aquece a alma. Um romance maduro, centrado e completamente enlouquecedor (tem como serr tudo isso ao mesmo tempo? Tem, leia o livro). Esse é um clássico que ficará na minha cabeça por muito tempo.



9. Café Macchiato: Aquele livro que você já sabe até o final que terá, mas mesmo assim é excelente.
"O Bebê de Rosemary" é sim um clássico, mas não teve grandes surpresas para mim. Eu juro que não me lembrava de nada do filme que havia assistido há uns bons 15 anos, mas a leitura foi bem previsível. Salvo em algumas partes em que formulamos teorias e tal, mas isso passa rápido. A questão aqui não é o finalmente e sim, como chegamos até ele. A jornada é incrível de ler!





10. Expresso com Chantilly: Livro simples, leitura rápida, mas que cumpre o que promete.
"Um Romance Inesquecível" da minha amada J. R. Ward não é um best seller, mas sempre irá morar no meu coração. Eu comecei a leitura já sabendo o final, mas curti cada página. Ele terminou me deixando satisfeita, como todas as obras dessa escritora, e indico a obra para qualquer pessoa que goste de um bom romance.



E é isso! Caso queira levar essa TAG para seu blog, me avise, quero ver suas escolhas. Coloque o link do meu blog, para futuras referências e vamos indicar livros uns aos outros! 

15 comentários

  1. Oi Cah,

    Fiquei receosa ao ler o nome da tag. Eu nem curto café e achei que seria difícil entender as referencias. Mas pelo livros q indicou e pelas sucintas explições de suas escolhas, me senti, ao final desse post, ate um pouco mais familiar aos diversos tipos de cafés hehe

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oi Camila, este último está na minha lista, só não compro agora porque estou com uns 8 livros em espera, rsrsrs beijosss!!!

    ResponderExcluir
  3. Gostei do Macchiato e concordo com seu comentário, Camila. Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Eu li o primeiro e os outros livros da serie. Achei o ultimo bem diferente do filme.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  5. Oi Camila,
    Essa questão de ser tudo mais do mesmo acabou de virar coluna lá no blog. Não sei se sou eu o chato, só sei que estou ficando sem paciência para livros que não tem uma gota de originalidade.
    Novembro de 63 tbm é um dos meus livros preferidos do King. Inclusive estou morrendo de curiosidade para ver a série.
    Abraço,
    Alê
    www.alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Finalmente alguém que concorda comigo sobre Divergente, ME ABRAÇA!!! Eu parei de ler na metade de Insurgente porque achei ~muito~ chato, minhas amigas me contaram o resto inteiro da história e realmente o final não é lá essas coisas. Gosto mais dos filmes do que dos livros, acredita? haha
    Um beijão,
    Gabi do likegabs.blogspot.com ♡

    ResponderExcluir
  7. Eu vou ler divergente em breve, será que eu vou ter essa opinião também? Hahaha. Me interessei bastante no último livro, parece ser bem fofinho e eu AMO romances assim! Hahaha.
    Beijão!

    http://primaverasinesqueciveis.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Oi, Camila! Também estou gostando bastante de responder tags, demorei para entrar na brincadeira. Eu nunca li nenhum livro da série "Divergente", nunca tive vontade, mas assisti aos filmes. Dá pra passar o tempo. Mas é bem isto: as distopias têm sido cada vez mais do mesmo.

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  9. Oi
    eu também não sou muito chefada em Divergente, nem li os livros, mas assisti os dois primeiros filmes e nem curtiu muito.
    Esse Anna parece ser fofo, legal os livros escolhidos na TAG.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Há nunca tinha visto essa tag, você que criou?
    Super amei, e achei interessante suas respostas. E também não curti Divergente, parei no segundo livro achei mais do mesmo.
    Beijo

    www.tecontopoesia.com

    ResponderExcluir
  11. Olá! Adorei a tag, essa não conhecia!
    Realmente, alguns livros ficam muito mais conhecidos em determinadas épocas do ano, eu por exemplo li "Um Conto de Natal" próximo ao Natal kkkkk
    Amoooo os livros do King, ainda não li Novembro 63, mas pretendo ainda esse ano, agora que saiu uma minissérie do livro quero ler logo pra poder assistir!
    Beijo!
    http://booksmanybooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Novembro de 63 é um livro que eu estou louco para ler. Parece ser uma obra genial, como tudo que o King escreve.
    Adorei a Tag.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de abril. Serão três vencedores!

    ResponderExcluir
  13. Ameeeei a tag haha
    E fiquei mega surpresa em você falar assim de Divergente rs
    Eu ainda não li, mas quero muito.

    Beijinhos :*
    Sankas Books

    ResponderExcluir
  14. Oi, tudo bem? Que tag bacana, deu até vontade de respondê-la em meu blog. Não li nenhum dos livros citados ainda, mas tenho vontade de ler quase todos...

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  15. Oi! Adorei a tag e pude conhecer vários livros novos, já que não conhecia a maioria dos que você citou. Sou uma das pessoas que adoram Divergente hahahah Até estou lendo o último livro da série (e sim já sei o final :/). Beijinhos, Beatriz.

    www.odiariodeumaescritorainiciante.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...